Câmara reúne com a Superintendência do Banco do Brasil para cobrar o pleno funcionamento da Agência Local em Monte Alegre

por moa — publicado 09/03/2018 19h05, última modificação 14/06/2018 14h18
Na ultima quinta-feira (8) a Presidente da Câmara, France Vasconcelos, reuniu com o Superintendente Regional do Banco do Brasil, Luiz Roberto de Morais Krinski, para cobrar o funcionamento integral e regular da Agência Local do Banco do Brasil. Durante a conversa, foi feito também o convite ao Superintendente para participar da Audiência Pública que discutirá a criação de um Conselho Municipal de Segurança Pública no Município.

Após muitas incertezas, discussões e Audiência Pública com o Banco do Brasil, solicitada a requerimento do vereador João Tomé e aprovada pela Câmara ocorrida no dia 27 de fevereiro, em que pouco foi sanado entre as cobranças e dúvidas sociais da população, a fim de buscar melhores esclarecimentos a Presidente da Casa Legislativa se dirigiu à Superintendência Regional do Banco para buscar explicações e providências sobre a situação qual a agência se encontra.

Em afirmação, o Sr. Roberto Krinski informou que o serviço de restauração da porta da Casa Forte do Banco será concluído até o fim do mês de março, tendo atrasos por conta de trâmites do processo licitatório.  O Banco ainda apresentou condicionante de criação de um Conselho de Segurança para que possa reativar seus serviços no município. No dia 19 de fevereiro deste ano foi apresentado pela Presidente da Casa um requerimento propondo Audiência Pública para discutir a criação de um Conselho Municipal de Segurança.

O objetivo do Conselho é de proporcionar ações integradas de Segurança Pública com a Sociedade, sendo formado por integrantes da sociedade civil à frente de suas comunidades e ciclos sociais. Outro debate ocorrerá sobre a possibilidade da criação de um Gabinete de Gestão Integrada do Município (GGI-M), qual possui mais poderes deliberativos sobre as questões de segurança pública.

Nos últimos anos, os municípios passaram a ter um maior destaque nos debates sobre segurança publica e prevenção da violência por se tratar, justamente, da instância governamental mais próxima dos problemas concretos vividos pelos cidadãos. Frente a este novo cenário, alguns dos municípios brasileiros passaram a implementar ações voltadas a segurança pública e a repensar suas políticas sociais e urbanísticas, buscando incorporar a dimensão da prevenção da violência através da incorporação de políticas integradas em nível local, estadual e federal.

A Audiência Pública sobre o debate da Criação do Conselho ocorrerá no dia 14 de março (quarta-feira) às 18:00 horas, na sede da Câmara Municipal, que lança convite à todos os cidadãos para que  possam assistir e  participar. A Sessão de Audiência também terá transmissão ao vivo através da página da Câmara no Facebook.

registrado em: ,
error while rendering plone.comments